Colégio quase fica às escuras em Marília por causa de golpe

Compartilhe:
 

Instituição pagou conta da CPFL com boleto falso e não sabia

Um conceituado colégio localizado no bairro Fragata, em Marília, por muito pouco não deixou os alunos, professores e funcionários às escuras. Tudo porque foi vítima de um golpe, ou seja, o setor financeiro acabou pagando um boleto falso, pensando que fosse a conta da CPFL.

O caso de estelionato só foi descoberto quando uma equipe da companhia esteve na instituição de ensino com objetivo de cortar o fornecimento de energia, por falta de pagamento.

No primeiro momento, os diretores ficaram indignados com aquela situação, pois acreditavam que todas as contas estavam "em dia", inclusive apresentando os comprovantes.

Mas, aí que veio outra dor de cabeça: foram alertados pelos funcionários da CPFL que o boleto da última conta, no valor de R$ 3.250,52, era, na verdade, uma página falsa criada por estelionatários.

Sem ter outra alternativa, o setor financeiro do colégio teve que pagar "novamente" a conta (desta vez a verdadeira) para não ter a energia cortada. Depois, registraram o caso de estelionato na Central de Polícia Judiciária.

Receba nossas notícias no seu celular: Clique Aqui.
Envie-nos sugestões de matérias: (14) 99688-7288

Desenvolvido por StrikeOn.