Quem Somos | Politicas de Privacidade | Termos de uso | A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 02/12/2023 às 16:30

Golpes envolvendo carros dão prejuízo de quase 7 mil em Marília

Só uma das vítimas fez cinco transferências aos criminosos

A Polícia Civil está investigando mais dois golpes envolvendo veículos nas últimas horas em Marília. Os prejuízos chegam a quase 7 mil reais. Uma das vítimas fez cinco transferências e, no outro caso, o criminoso chegou a mostrar seu rosto em vídeoconferência só para "provar" que não era golpista.

O caso mais complexo ocorreu no bairro Antonio Carlos Nascimento da Silva, na zona sul, envolvendo uma mulher de 34 anos. Ela relatou que há alguns anos financiou a compra de um carro (em nome da sua mãe), porém teve dificuldades financeiras e teve que devolver o automóvel.

Nesta semana, ela passou a receber ligações telefônicas, supostamente da financeira, informando que estaria com uma "proposta" para liberação do veículo.

A vítima se interessou, sem perceber que estava caindo em um golpe. Acabou realizando cinco transferências via PIX, totalizando R$ 5.988,31.

Só descobriu a ação criminosa quando a agência bancária alertou sobre as movimentações e, ao tentar falar com a "financeira", não conseguiu mais contato.

Compra de carro

O segundo caso mostra que os criminosos estão cada vez mais audaciosos e criativos. Um homem de 44 anos, morador no jardim Colibri, na zona leste de Marília, estava interessado em comprar um carro. Entre as pesquisas, acessou o Facebook onde se interessou por um determinado modelo.

O tal "vendedor", com o fim de mostrar que o produto oferecido realmente "existia", chegou a fazer uma chamada de videoconferência, mostrando o seu rosto e o veículo que estava oferecendo.

Isso foi o suficiente para que o homem acreditasse que estaria realizando efetivamente uma compra. Tanto que fez um "pix" no valor de R$ 1 mil como forma de "segurar" a compra. Só que era mesmo um golpe e ficou no prejuízo.

 

 

 

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn

Este site utiliza cookies para otimizar a sua experiência de navegação. Ao continuar navegando, consideramos que você está de acordo com a nossa Política de Privacidade. Para mais informações, clique aqui.