A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 13/11/2022 às 08:00

Chikungunya é a nova preocupação da Saúde em Marília

Motivo é um caso confirmado de paciente que contraiu a doença sem sair da cidade

A chikungunya, uma doença transmitida pelo Aedes aegypti, o mesmo mosquito que transmite a dengue e outras efermidades, passou a ser a nova preocupação da Secretaria Municipal da Saúde de Marília. O motivo foi a confirmação de um caso "autoctone" (paciente contraiu sem percorrer regiões endêmicas).

É o primeiro caso registrado neste ano, sendo que em 2021 Marília também não teve nenhum registro positivo. Trata-se de um homem, de 69 anos, morador no bairro Toffoli, zona sul da cidade. Ele havia realizado exame particular de dengue positivo, pois apresentava febre, mialgia exantema e artrite.

Como não havia histórico de viagem, foi realizado teste para chikungunya, em laboratório de referência estadual Adolfo Lutz, que confirmou o resultado para chikungunya. O paciente passa bem.

Como o município apresenta hoje essa transmissão confirmada para a doença, estamos alertando à população para cuidarem de seus quintais, já que a transmissão também é através do mosquito Aedes aegypti", observou o secretário municipal da Saúde, Sérgio Nechar. Ontem, foi realizada uma ação de controle na área onde o paciente mora.

O que é a chikungunya?

A chikungunya é uma doença causada por um vírus, chamado CHIKV, com um conjunto de sintomas que é bastante similar ao da dengue.

A transmissão da chikungunya, inclusive, é por meio do mesmo mosquito, o Aedes aegypti, nos ambientes urbanos.

Pode ser chamada de febre chikungunya e, uma vez que a pessoa é picada por um mosquito infectado com o vírus, ela pode levar de quatro a sete dias para desenvolver os sintomas da doença. A transmissão é a mesma da dengue: através do mosquito que já esteja infectado.

Quais são os sintomas?

Entre os sintomas apresentados por um paciente infectado por chikungunya, pode-se destacar: febre alta (acima dos 39° C) de começo súbito; dor intensa nas juntas, geralmente em ambos os lados do corpo; pele e olhos avermelhados e irritados; erupções na pele que coçam; conjuntivite; dor no corpo; dor de cabeça; náuseas e vômitos.

O principal sintoma de chikungunya é a dor muito intensa nas articulações. O paciente pode continuar sentindo essa dor por meses e até anos após superar a doença. 

O indivíduo também pode apresentar dificuldade para movimentar os membros e articulações por conta das dores. Essa é apontada como uma das sequelas do chikungunya. Os outros sintomas podem durar até 14 dias.

 

 

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn