A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 29/10/2020 às 22:00

Adolescente que foi estuprada e viu família ser morta fala pela 1ª vez: ‘Tento não lembrar'

A adolescente boliviana de 14 anos que viu a mãe e os dois irmãos serem mortos após ser estuprada por um acreano falou pela primeira vez desde a tragédia ocorrida na fronteira do Acre com a Bolívia no último dia 13 de setembro. 

Quando perguntada se sente muita falta da mãe e dos irmãos, a adolescente ficou em silêncio por alguns segundos e depois disse: “Não me faz essa pergunta não, pelo amor de Deus. É difícil para mim responder isso. Quando fico sozinha, fico pensando em tudo que aconteceu, mas tento não lembrar.”

A menina também levou quatro tiros no dia do ataque e ficou internada no pronto-socorro de Rio Branco por 40 dias. Ela teve alta médica no último dia 23 de outubro após passar por três cirurgias, sendo uma no braço e outras duas no braço e no maxilar.

O agricultor boliviano de 49 anos, pai da adolescente, afirmou que a menina deve ser ouvida pelo Ministério Público ainda nesta semana. Ele voltou a falar que quer que os presos sejam extraditados para a Bolívia.

“Agora tenho que pensar no futuro da minha filha. Não vou mais voltar com ela para lá [onde moravam]. Me levaram tudo e mais a vida dos meus dois filhos e da minha mulher. Quero que eles sejam extraditados, tudo que fizeram foi na Bolívia e quero que eles paguem na Bolívia”, afirmou o agricultor. 

Relembre o caso https://www.visaonoticias.com/noticia/43331/familia-boliviana-e-morta-por-brasileiros-apos-estupro

A Polícia Civil do Acre investiga o caso. (Fonte: G1)

 

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn