A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 12/09/2020 às 10:00

Entrevias adere à campanha Setembro Verde, de conscientização sobre doação de órgãos

Mensagens informativas sobre o tema serão exibidas nas rodovias concedidas à concessionária durante todo o mês.

A Entrevias, em parceria com a Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp) e em apoio à Associação Brasileira de Transplante de Órgãos (ABTO), participa da campanha Setembro Verde.

Multiplicada em todo o país, a iniciativa tem como propósito conscientizar sobre a doação de órgãos e importância de expressar aos familiares a decisão de ser um doador, principalmente neste momento pandêmico.

As mensagens informativas: “Doe órgãos, salve vidas e Avise sua família”, serão veiculadas nos painéis de mensagens eletrônicas (PMVs) da Concessionária, instalados ao longo dos 570 quilômetros de malha viária administrada, nas regiões de Ribeirão Preto e Marília. Paralelamente, a companhia também reforçará o tema com diferentes iniciativas em sua comunicação interna, que alcança cerca de 600 colaboradores.

É um ano atípico, com muitos desafios. Principalmente agora, entendemos que é necessário somar esforços para ajudar a multiplicar boas ações e iniciativas, como a do setembro verde”, diz Cláudia Figueiredo, gerente de Relações Institucionais. 

Rotas diárias de diferentes usuários e pessoas, a comunicação nas rodovias tem um alcance importante e que pode ajudar a gerar reflexão acerca do tema, principalmente porque a doação de órgãos e tecidos só ocorre após autorização familiar.

Doação de órgãos

No Brasil, não é necessário documentar esse desejo, por isso a importância de comunicar a decisão aos familiares. Atualmente, cerca de 40% das famílias se recusam a doar os órgãos de parentes, já que não foram comunicadas sobre a intenção anteriormente. 

Segundo a ABTO, por conta da pandemia o número de doadores de órgãos caiu 6,5% no Brasil no primeiro semestre de 2020, em comparação ao mesmo período de 2019. 

Podem ser doados órgãos como rins, coração, pulmões, fígado, pâncreas e tecidos, como ossos, tendões, pele, córneas e válvulas cardíacas. Um único doador pode salvar várias vidas. De acordo com a entidade, a lista de espera para a doação de órgãos conta com 40.740 pessoas.

 

 

 

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn