A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 09/05/2020 às 17:00

Empresários de Marília protestam contra prorrogação da quarentena

  • Última reunião do comitê foi bastante tensa por causa da prorrogação da quarentena

Empresas até de shopping já fecharam as portas com demissões. Prefeito Daniel levará ao governador o alerta de que sem flexibilização o colapso na economia será inevitável.

O prefeito Daniel Alonso terá uma missão política bem difícil nesta segunda-feira: convencer o governador João Doria de que Marília e cidades da região têm condições de flexibilizar a quarentena pelos números da Covid-19 que são estáveis e até em queda.

Na teleconferência do comitê protestos e preocupações dos empresários.

Mas, outro argumento importante será o colapso na economia regional por causa da quarentena que se arrasta há cerca de 50 dias e prosseguirá até o dia 31 de maio.

Na última reunião do comitê criado para definir ações contra o  novo coronavírus, representantes do setor empresarial protestaram contra essa prorrogação. 

Os primeiros números do colapso foram revelados: apenas no Marília Shopping pelo menos 10 lojas já fecharam suas portas, demitindo cerca de 70 pessoas. 

Decisão desastrosa

"Lamento a decisão desastrosa do Governador Dória, o que nos resta a continuar o trabalho de oferecer aos comerciantes em geral a oportunidade de retomarem ao trabalho, dentro do que rege o Decreto Estadual", afirmou o presidente da ACIM, Adriano Martins (foto), em nova enviada ao Visão Notícias.

A saída encontrada pela entidade foi implantar um shopping eletrônico que possibilita as empresas venderem pela internet (acesse AQUI) em que "o lojista pode conseguir receita para manter a loja e preservar empregos", afirmou Adriano.

Ele revelou que a diretoria da Facesp (entidade que representa as associações comerciais no estado) está tratando dessa flexibilização junto ao governador.

O superintendente da entidade, José Augusto Gomes, disse que ainda não há um levantamento ou mesmo estimativa de quantas empresas fecharam as portas por causa da Covid-19, já que isso só será possível verificar quando for autorizada a reabertura do comércio.

Mas, o impacto causado pelas dificuldades nas vendas no Dia das Mães (segunda melhor data do ano, ficando atrás apenas do Natal) será grande - mesmo com a venda pela internet.

Representante 

Quadro comparativo da Covid-19 em Marília. Números "animadores".

O prefeito Daniel Alonso será o representante da região no Conselho Municipalista criado pelo governo do Estado, que irá discutir durante a quarentena as medidas para combate à crise econômica decorrente da epidemia de coronavírus.

Ele deixou claro que aceitou essa função porque será uma maneira de apresentar os números da Covid-19 regionais e de Marília, argumentando que é possível haver a flexibilização em virtude da situação tranquila. 

Ao mesmo tempo ser o porta-voz dos empresários e trabalhadores que precisam trabalhar para salvar a economia local e regional.

A reunião será na segunda-feira, às 15h, no Palácio dos Bandeirantes, com a participação de 16 representantes de regiões administrativas.

Pelos últimos números divulgados, o número de pessoas curadas aumentou, passando de 17 para 23 casos.

Se comparado com o número de casos confirmados em Marília (são 26), isso significa que quase 90% dos pacientes voltaram a ter uma vida normal após o diagnóstico da Covid-19.

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn