A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 07/02/2015 às 16:15

Dengue: prontos para a guerra . Prefeitura implanta unidade

  • Unidade especial está pronta (ampliar)

Unidade especial da Prefeitura começa a funcionar nesta segunda

 

Com objetivo de desafogar as unidades de saúde (inclusive os pronto-atendimentos) e ao mesmo tempo prestar um atendimento exclusivo aos pacientes com sintomas da doença, começa a funcionar nesta segunda (09) a unidade de apoio ao tratamento da dengue, criada pela Secretaria Municipal da Saúde por determinação do prefeito Vinicius Camarinha.

 

Localizada anexa à UBS Cascata, na rua 9 de Julho, a unidade possui uma equipe técnica treinada e também toda estrutura necessária para os pacientes que procurarem as unidades de saúde e também os pronto-atendimentos, localizados nas zonas Norte e Sul. O horário de funcionamento será das 7 às 19h.

 

Desde o início da semana uma série de novas ações estão sendo adotadas de combate aos focos do mosquito e também à doença. Tudo isso é coordenado por um comitê gestor, formado por representantes de secretarias municipais e também da Secretaria Estadual da Saúde.

 

Objetivo da unidade é desafomar os pronto-atendimentos e demais postos de saúde.

 

A Prefeitura também decretou estado de emergência contra a dengue, objetivando facilitar a mobilização de mais pessoas e equipamentos no combate aos focos.

 

MULTAS - A preocupação é grande porque 90% dos focos do mosquito transmissor da doença estão dentro das residências. E, como existem pessoas que não adotam medidas para eliminar esses criadouros, outra medida adotada é a aplicação de multas, que variam de R$ 180 a R$ 720,00. No caso de imóveis fechados, cujos proprietários não são localizados, a penalidade vai de R$ 1 mil a R$ 5 mil.

 

Para os moradores que tiverem dúvidas, algum tipo de denúncia sobre criadouros ou sugestões de ações no combate ao mosquito, a Prefeitura está disponibilizado também um canal de comunicação – por meio da Ouvidoria do Município (telefone 0800-77-66-111) – para o esclarecimento de dúvidas, denúncias.

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn