A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 19/12/2014 às 09:37

Camarinha: diplomação hoje e Walter Ihoshi fica como suplente

  • Camarinha e Ioshi: situações opostas (ampliar)

Enquanto Camarinha será diplomado, Ihoshi acabou ficando suplente

 

O atual deputado federal e ex-prefeito, Abelardo Camarinha, será diplomado logo mais às 11h, na Sala São Paulo, praça Júlio Prestes, 16, no bairro Campos Elíseos. Camarinha obteve 79.325 votos (só em Marília foram 44.998 mil votos, um recorde).

 

Já Walter Ihoshi na última hora ficará apenas como suplente, já que o deputado Paulo Maluf obteve junto ao TSE um julgamento favorável ao seu recurso e deve ser diplomado nesta sexta-feira (19) e assumirá um novo mandato a partir de 2015.

 

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), desembargador Antônio Mathias Coltro, dirigirá a solenidade que contará com a presença dos integrantes da Corte e outras autoridades. Na cerimônia serão diplomados 94 deputados estaduais, 70 deputados federais, o senador e seus dois suplentes, e, por fim, governador e vice-governador.

Prevista nos Artigos 215 a 218 do Código Eleitoral, a diplomação marca o encerramento do processo eleitoral, que iniciou com a escolha dos candidatos nas convenções partidárias, prosseguiu com o registro de candidatura, período de propaganda eleitoral, votação, apuração, homologação e proclamação dos resultados, e o julgamento das contas de campanha.

REVIRAVOLTA - Walter Ihoshi (PSD) obteve 88.070 votos nas eleições de 5 de outubro. Ele foi o 57º mais votado no estado, com 16.838 mil votos em Marília e 55 mil em municípios da região. Este seria o seu terceiro mandato. Agora ele fica como suplente.

 

A alteração na composição da Câmara ocorre porque Paulo Maluf foi o mais votado em sua coligação, tendo obtido 250.296 votos (a lista de eleitos havia sido feita sem a votação de Maluf). O recálculo com a validação dos votos de Maluf foi feito pelo TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo).

 

De acordo com a assessoria do órgão mesmo após a diplomação novas decisões podem ocorrer e acarretar outras retotalizações e por consequência entrega de diplomas a outros candidatos.

 

FICHA SUJA - Em setembro, Maluf foi considerado ficha suja pela Justiça Eleitoral devido à sua condenação por improbidade administrativa relativa ao superfaturamento das obras do túnel Ayrton Senna durante sua gestão à frente da prefeitura, entre 1993 e 1996.

 

Mas, para ser barrado por improbidade com base na Ficha Limpa, a condenação tem que ser na modalidade dolosa, quando há intenção de cometer o crime. Na ementa do TRE, consta que os atos de maluf foram culposos. Dessa forma, ele obteve a vaga de Ioshi.

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn