A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 23/09/2014 às 14:43

Seu cachorro está com câncer: o que fazer?

  • Doença é bastante agressiva. (ampliar)

Doença silenciosa e assustadora, tanto para humanos quanto animais

 

O câncer (também conhecido como neoplasia na medicina veterinária) é uma doença caracterizada pela divisão rápida e desordenada de células, chamadas de cancerígenas.

 

Este fato pode ocorrer em qualquer parte do corpo do seu cachorro, podendo iniciar em um local e se espalhar para outras regiões, processo ao qual é chamado de metástase.

 

Infelizmente, essa doença, que também acomete os cães, é bastante agressiva e o sucesso do tratamento é muito relativo à região afetada, à precocidade do diagnóstico e o tipo de neoplasia.

 

Para entendermos melhor sobre esta doença, a Profª Dra.Claudia Bonini, nos orienta sobre os tipos mais comuns de câncer em cachorros e os possíveis tratamentos.

 

Diferença entre tumor maligno e benigno

É importantíssimo frisar que o nome “câncer” é utilizado quando há a presença de um tumor maligno.

 

A grande diferença entre o tumor maligno e o benigno é que, no primeiro, existe a possibilidade de metástase, ou seja, de as células cancerígenas espalharem-se pelo organismo, acometendo diversas regiões e tornando o tratamento, normalmente, mais difícil ou, até mesmo, ineficaz.

 

O tumor benigno é menos preocupante mas não deve ser deixado de lado, quando este apresenta um desenvolvimento mais acelerado, a remoção pode ser necessária.

 

Tipos mais comuns de câncer em cachorros:Testicular, de Mama, de Pele, Linfoma, Ósseo, Cabeça e pescoço, Leocemia

 

Apesar de esses serem os de maior frequência, também pode ocorrer o desenvolvimento de neoplasia em qualquer órgão, como no útero, no baço, nos ovários, nos pulmões, fígado entre outros.

 

Sinais clínicos do câncer- Os sinais clínicos das neoplasias varia muito de acordo com cada tipo de câncer.

 

Entretanto, existem alguns sinais que estão presentes na maioria deles, como é o caso do aumento da massa tumoral, inchaço da região acometida e mudanças no comportamento.

 

Justamente pelos diferentes tipos de câncer e pelos possíveis sinais clínicos de cada um, é essencial que o seu animal seja levado ao médico veterinário periodicamente para que o profissional o examine.

 

Fique atento aos diferentes “avisos” que o corpo do animal dá. Veja exemplos:

 

A fratura de um osso sem nenhuma causa brusca aparente. 

 

Grande perda de peso e secreção de líquidos anormais

 

Nódulos na pele ou feridas que não cicatrizam

 

 

Inchaço e aumento dos testículos e das mamas

 

 

 

Clinica Da Professora Claudia Bonini - Telefone 3433-7497 - Rua Álvares Cabral, 273

 

Profª Dra. Claudia Bonini

 

Diretora Clínica da Clínica Da Professora

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn