Visão Notícias
Postado em 21/09/2020 às 13:57
Polícia prende suspeito de esfaquear mulher grávida. O bebê morreu

A Polícia Civil de Pirajuí prendeu prendeu na manhã desta segunda-feira (21), Davi Antônio de Souza, de 38 anos, acusado de esfaquear a ex-enteada, que estava grávida de 9 meses. A jovem de 24 anos perdeu o bebê e está internada no Hospital Estadual de Bauru.

Segundo a polícia, após o crime, as equipes fizeram buscas durante todo o fim de semana para tentar localizar o suspeito, a Polícia Civil também fez um trabalho de convencimento junto à família dele para que Davi se apresentasse na delegacia. Por volta das 9h desta segunda-feira (21), o acusado procurou a polícia e passou por exame de corpo de delito.

O suspeito será indiciado por homicídio qualificado tentado, com pena de 12 a 30 anos, e aborto provocado sem o consentimento da gestante, com pena de 3 a 10 anos de reclusão. O suspeito foi encaminhado à cadeia pública de Pirajuí.

A faca usada no crime foi apreendida pela polícia. 

O crime aconteceu na sexta-feira (18), em frente à casa da vítima. O marido de Natália e a mãe dela tentaram impedir a discussão, mas o agressor acabou esfaqueando a jovem e fugiu em seguida. 

Natália foi socorrida e levada para Santa Casa de Pirajuí , mas por conta da gravidade da lesão no abdômen, precisou ser transferida para o Hospital Estadual para uma cirurgia de emergência. Devido ao ferimento, Natália acabou sofrendo um aborto e perdeu o bebê.

Siga o Visão Notícias no Facebook https://www.facebook.com/visaonoticias/

 

Desenvolvido por StrikeOn.
© 2015 - Visão Notícias. Todos os Direitos Reservados.