Visão Notícias
Postado em 03/01/2020 às 09:35
5 pessoas da mesma família são presas por suspeita na morte de criança de 3 anos

Cinco pessoas da mesma família foram presas e são investigadas por suspeita de envolvimento na morte de uma criança de 3 anos de idade no distrito e Parelheiros na zona sul de São Paulo. Mãe, tio, tia, avô e avó de de Victor Adriano Pereira da Cruz foram indiciados inicialmente pelos crimes de maus-tratos, lesão corporal e tortura do menino. Ele morreu depois.

No dia 29 de dezembro de 2018, o menino foi levado por familiares ao Hospital de Paralheiros, segundo a investigação policial. Ele chegou machucado e morreu um dia depois, em 30 de dezembro.

A suspeita dos médicos foi de que a morte teria ocorrido em decorrência de maus-tratos que a vítima sofreu. Antes de morrer, Victor apresentava sinais de agressão, maus-tratos, somado o estado debilitado por uma desnutrição e foi entubado.

Os presos são a mãe, os tios e avós do menino. “A Polícia Civil informa que cinco pessoas, familiares da vítima, estão presas. Três deles foram presos em flagrante, e os outros dois em decorrência de um pedido de prisão preventiva. Ambos foram indiciados por maus-tratos, lesão corporal e tortura. Não há registros anteriores relacionados a maus-tratos contra a vítima. A autoridade policial aguarda o resultado do laudo necroscópico para concluir o caso”, informa a pasta da Segurança.

Segundo policiais, os parentes alegaram que batiam no menino com palmadas e cinto porque ele era muito "peralta".

Fonte: G1

 

Desenvolvido por StrikeOn.
© 2015 - Visão Notícias. Todos os Direitos Reservados.