Visão Notícias
Postado em 01/10/2018 às 16:50
Agentes penitenciários apreendem estimulante sexual em linguiça
Comprimidos de Pramil estavam escondidos no meio dos gomos de linguiça.

O que era para ser mais um "almoço" em dia de visita se transformou numa grande dor de cabeça para uma das visitantes da penitenciária "Valentim Alves da Silva", em Álvaro de Carvalho. É que dentro dos gomos de linguiça os agentes apreenderam diversos comprimidos de estimulante sexual (Pramil).

A apreensão ocorreu neste fim de semana e foi divulgado nesta tarde pela Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) no balanço das operações que foram realizadas em todas as unidades, com objetivo de evitar a entrada de drogas e outros materiais proibidos.

Comprimidos que foram apreendidos pelos agentes

Os 40 compromidos de cor azul estavam sendo transportados por uma mulher que não teve divulgada a idade e nem qual cidade de origem. Os gomos de linguiça também foram submetidos ao scanner, sendo constatada a anormalidade.

Ao fazer uma vistoria diretamente, foram localizados os comprimidos que não tem registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e entra ilegalmente no Brasil. Todo o material foi apreendido. 

Em outras unidades também foram apreendidas drogas, como foi o caso de Avanhandava, onde uma mulher tentava entrar na penitenciária com uma porção de maconha escondida no próprio corpo.

Já em Bernardino de Campos, os agentes interceptaram porções da mesma droga que estavam escondidas no cós de sua calcinha

 

 

A informa que, nos dias 29 e 30/09, agentes de segurança encontraram droga com características de maconha em posse de visitantes, que tentaram burlar as revistas, colocando a droga em roupas ou as introduzindo no próprio corpo. Também foram interceptadas linguiças "recheadas" com 40 comprimidos azuis (estimulantes sexuais).

Os bons préstimos de agentes de segurança somados ao treinamento para utilizar a tecnologia dos scanners corporais, tem logrado êxito em evitar a entrada de ilícitos nas penitenciárias.

A polícia militar foi acionada para lavrar boletim de ocorrência em todos os casos, além de abertura de procedimento para apurar o envolvimento dos detentos que receberiam as drogas.

 

Penitenciária 

No domingo, 30, às 11h40, agentes localizaram em meio a alguns gomos de linguiça, 40 comprimidos identificados como "Pramil", estimulante sexual, não registrado pela  Ao ser questionada, a visitante prontamente assumiu a autoria. Por se tratar de medicamento de circulação proibida, a autoridade policial foi acionada para tomar as medidas necessárias.
Desenvolvido por StrikeOn.
© 2015 - Visão Notícias. Todos os Direitos Reservados.