Facebook Twitter YouTube
A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 08/07/2019 às 09:00

Lugar de droga é no lixo! Até traficante pensa assim, mas acaba preso

  • As porções de drogas (prontas para venda) apreendidas pela PM

Um homem foi preso pela Polícia Militar na zona norte de Marília acusado de tráfico de drogas. Ele tentou escapar do flagrante jogando os entorpecentes que estava vendendo no lixo, masa tática não deu certo.

Os policiais militares da Força Tática estavam em patrulhamento pelo bairro Santa Antonieta. Com todo esse frio, quase ninguém estava na rua e, dessa forma, ficou mais fácil para os PMs identificar possíveis suspeitos de crimes.

O cruzamento das ruas professora Berta Camargo Vieira com a Irineu Lopes de Lima, perceberam o acusado jogando uma sacola plástica numa lixeira.

Mas, não se tratava de nenhuma "boa ação" e sim porque já havia percebido a aproximação da viatura e queria escapar do flagrante de tráfico.

O problema é que, ao ser revistado foram encontrados nos bolsos de sua blusa três invólucros contendo 25 porções de cocaína em cada um, embaladas em papelotes.

Ao retornar na lixeira foi localizado no interior da sacola mais uma grande quantidade do mesmo entorpecente, totalizando 519 porções de cocaína. 

FUGITIVO - Também neste fim de semana, os policiais militares capturaram um adolescente que estave vendendo drogas no bairro Argollo Ferão.

Ele estava na companhia de mais duas pessoas e, ao perceberem as viaturas, sairam correndo, mas o menor não conseguiu escapar.

Com ele, foram apreendidos 53 porções de cocaína, 16 de crack e 78 de maconha. O "garotão" disse que havia fugido da Fundação Casa e, com a venda do entorpecente, pretendia conseguir dinheiro para ir embora, já que a família dele é de Bauru.

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn