Facebook Twitter YouTube
A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 05/06/2019 às 12:00

Tem louco prá tudo: mulher afirma ser a dona do Sol e quer cobrar pelo seu uso

Ela afirma que tem um documento que a reconhece como a proprietária absoluta do sol desde 2012. Agora, está colocando à venda "pedaços" do sol.

Se você pensa que já viu de tudo na internet, se prepare para acompanhar esta notícia. Uma mulher da Espanha garante que é proprietária absoluta, desde 2012, da estrela central do Sistema Solar, ou seja, o Sol. María Angeles Durán afirma ter um documento totalmente legal. O mais incrível é que ela colocou à venda pedaços de metros quadrados do Sol acompanhados de documentos de propriedade, por um euro cada.
 
María Angeles Durán mostra documento no qual seria dona do Sol.

A mulher começou a tentar ser dona do Sol em 2010, quando viu que um empresário norte americano chamado Dennis Hope havia feito o mesmo com a Lua, Marte, Vênus e Mercúrio.

“O espaço exterior…não está sujeito à apropriação nacional por reivindicação de soberania”, dizem documentos legais que ela elaborou em um tabelião local. “Nada sobre a propriedade individual!. Sem dúvidas, ela cumpriu um de seus sonhos ao reivindicar legalmente o sol e se tornar o proprietária. 

Você compraria um pedacinho do sol?

Conseguir a posse do sol foi fácil para María, mas será que vai conseguir vender partes dele pela internet?

Em 2013, Maria chegou a abrir uma loja no eBay e começou a leiloar pedaços de metros quadrados do Sol acompanhados de documentos de propriedade, por um euro cada. 

Mas, o site de vendas, entendendo que ela se encaixava na violação de sua política de “bens intangíveis” (é proibido vender coisas que não existem), a expulsou de sua plataforma. 

Quando percebeu que sua conta havia sido fechada, Maria processou o site por quebra de contrato. De acordo com o jornal La Voz de Galicia, um tribunal espanhol concordou em ouvir o caso. 

No processo, a mulher argumenta que o sol é um objeto real e tangível. Atualmente, ela vende os certificados de propriedade de pedaços do Sol em seu próprio site, a um euro cada.

 

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn