Facebook Twitter YouTube
A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 06/05/2019 às 12:00

Contrabando: operações da Polícia Rodoviária apreendem R$ 2 milhões em cigarros

  • Carga de cigarros contrabandeados interceptada pela Polícia Rodoviária em Assis.

Material estava sendo transportado em caminhão e carreta que transitavam pela região. Casos foram parar na Polícia Federal em Marília

Além do tráfico de drogas, o Oeste Paulista também é muito utilizado como rota do contrabando de mercadorias contrabandeadas, principalmente cigarros.

Neste domingo, foram realizadas duas apreensões pela Polícia Rodoviária Estadual que totalizaram cerca de 700 mil maços de cigarro que, pelo mercado, estão avaliados em cerca de R$ 2,1 milhões. Os casos foram parar na Delegacia da Polícia Federal em Marília.

Na rodovia Orlando Quagliato, próximo de Santa Cruz do Rio Pardo, os patrulheiros estavam em fiscalização e, ao darem ordem de parada a um caminhão, o motorista tentou fugir.

Houve perseguição até uma estrada de terra, onde ele foi detido. No interior do baú, foram localizadas 600 caixas contendo 30 mil pacotes de cigarros contrabandeados. 

Motorista foi preso em flagrante após tentar fugir por uma estrada vicinal.

OUTRO CASO

Já na rodovia Raposo Tavares, em Assis, durante patrulhamento os policiais rodoviários deram ordem de parada a uma carreta placas de Guaira/PR, que estava saindo da cidade.

Os patrulheiros constataram que a nota fiscal da carga era falsa e o motorista confessou que estava tentando desviar para não ser fiscalizado. O veículo estava transportando cerca de 400 mil maços de cigarros (ou 800 caixas) que eram trazidos do Paraguai. 

A carreta foi interceptada quando motorista tentava desviar da base da Polícia Rodoviária em Assis.
 
 

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn