Facebook Twitter YouTube
A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 19/04/2019 às 12:00

Dengue exige atenção redobrada dos moradores. Marília faz intenso combate

Cidade chega a 375 casos este ano. Entre as ações estratégicas na cidade, Saúde destaca trabalho nas escolas, atuação nas empresas e reforço nas visitas domiciliares

A Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal da Saúde de Marília reforçou o alerta à população para a importância da eliminação dos criadouros do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, entre outras doenças. Na oportunidade, divulgou também as ações que estão sendo realizadas para combater o vetor no município.

Entre as ações, a mobilização dos alunos: conscientização.

De acordo com o boletim epidemiológico semanal divulgado pela Vigilância, a cidade conta atualmente com 375 casos da doença neste ano, sendo 363 casos "autoctones" (contraídos na própria cidade), 12 importados e outros 639 estão aguardando resultado laboratorial no Instituto Adolfo Lutz, do Estado. Foram descartados 894 investigados.

Como a maioria dos municípios paulistas com grandes circulações de pessoas, entre estudantes, trabalhadores em indústrias, transportes e perfil demográfico de deslocamento, a cidade vive situação de alto risco para transmissão de dengue.

Por isso, de forma permanente, funciona o Grupo de Vigilância em Saúde e a cidade possui plano de contingência. Entre as ações a contratação de 85 ACEs (Agentes de Controle de Endemias) e nove Supervisores de Saúde por meio de concurso público.

CONTROLE

A Prefeitura também mantém contratação de empresa especializada, para reforçar as ações de controle e faz rigoroso cumprimento do Protocolo do Ministério da Saúde, para tratar casos confirmados e evitar a transmissão.

É feita ainda a nebulização e bloqueio de criadouros, mediante caso confirmado, fortalecimento das ações educativas e capacitações das equipes de Saúde.

A supervisora da Vigilância Epidemiológica no município, Alessandra Arrigoni Mosquini, lembra duas ações que estão em andamento.

“A rede municipal de Educação promoveu e ainda está repercutindo junto às crianças, a Semana de Mobilização Contra o Aedes nas Escolas, uma ação de muito impacto nas comunidades, tornando as crianças multiplicadoras de informação”, disse.

Outra ação, conforme destacou, é a organização de grupos de atuação nas empresas, formada por trabalhadores das próprias indústrias e comércios, visando o controle interno de vetores nas instalações.

 

 

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn