Facebook Twitter YouTube
A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 09/04/2019 às 08:00

Saúde antecipa início da campanha contra Gripe em Marília

  • A Secretaria recebeu remessa de 14 mil doses

A partir deste ano, crianças com mais de seis meses e abaixo de seis anos passam a ser vacinadas

A Secretaria Municipal da Saúde anunciou, cumprindo orientação do Ministério da Saúde, a antecipação da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Influenza, popularmente conhecida como gripe. A vacina já será disponibilizada na rede básica do município a partir desta quarta-feira (10).

Remessa de 14 mil doses foi recebida nesta segunda-feira (8) pela Sala de Vacina Central, com expectativa de suprir a demanda desta primeira semana. O dia “D”, com abertura das unidades de saúde no sábado, deve acontecer somente em 4 de maio.

A responsabilidade pela distribuição é do Centro de Vigilância Epidemiológica da Secretaria de Estado da Saúde. O município disponibiliza a vacina em 37 unidades do programa Estratégia Saúde da Família e 12 UBSs (Unidades Básicas de Saúde).

Principal novidade de 2019 é a ampliação para crianças entre seis meses e abaixo de seis anos. Até o ano passado podiam ser vacinadas crianças com mais de seis meses e abaixo de cinco anos.

Com essa mudança, o público-alvo estimado é de aproximadamente 80 mil pessoas na cidade, sendo atualmente a maior campanha de vacinação no SUS (Sistema Único de Saúde), em número de doses dispensadas, no menor intervalo.

Quem deve ser vacinado

Além das crianças (seis meses até menores de seis anos), devem ser imunizadas pessoas com 60 anos ou mais, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde e professores das escolas públicas e privadas.

Também têm direito à vacina populações indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis (diabetes, hipertensão, entre outras) e condições clínicas especiais. O Ministério da Saúde também determina a vacinação de adolescentes e jovens apreendidos (Fundação Casa), população carcerária e funcionários do sistema prisional.

 

 

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn