Facebook Twitter YouTube
A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 01/04/2019 às 21:00

Após polêmica e revolta, governo decide manter Projeto Guri

  • Todos os polos do projeto Guri serão mantidos pelo Estado.

Com redirecionamento de verbas, governador Dória anuncia que todos os 382 polos do programa espalhados pelo Estado serão mantidos

Em coletiva realizada nesta segunda-feira (1º) no Palácio dos Bandeirantes, o Governador João Doria anunciou a decisão de descontingenciar R$ 20,7 milhões para a manutenção do Projeto Guri, maior programa sociocultural brasileiro, que promove iniciação e formação musical para crianças e adolescentes.

A medida foi adotada depois da repercussão negativa da decisão anterior do próprio governo, de cortar recursos na ordem de R$ 160 milhões na Secretaria da Cultura, sendo que desse total, 14 milhões só do projeto Guri.

Com isso, pelo menos 190 polos por todo o interior (inclusive na região de Marília e Bauru) seriam fechados, afetando mais de 1000 músicos e profissionais demitidos e 25.000 alunos.

O déficit fiscal projetado de R$ 10,5 bilhões em 2019 obrigou o Governo a determinar contingenciamento de R$ 5,7 bilhões em todas as áreas.

Para a Cultura, foi estabelecido um contingenciamento de cerca de 23%, equivalente a R$ 150 milhões, incluindo os 24 contratos com Organizações Sociais e demais programas e ações. No caso da Cultura, iria afetar diretamente o projeto Guri, mas que agora será mantido sem cortes. 

Por meio de cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, são atendidas 64 mil crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos (até 21 anos, nos Grupos de Referência e na Fundação CASA).

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn