Facebook Twitter YouTube
A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 12/02/2019 às 18:00

PF faz operação contra quadrilha que trafica drogas pelo WhatsApp. Um deles na região

  • Drogas que foram apreendidas pela PF na operação de hoje.

Criminosos vendiam principalmente drogas sintéticas, como ecstasy e MDMA. Até o momento, nove pessoas foram presas, uma delas em Bauru.

Nove traficantes que vendiam maconha, ecstasy e LSD pelo WhatsApp foram presos pela Polícia Federal na Operação Dealer, deflagrada nesta terça-feira (12) pela Polícia Federal. Uma das prisões ocorreu em Bauru e o envolvido foi encaminhado para São Paulo. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados.

Traficantes negociavam via Whats drogas como maconha, ecstasy e LSD. 

De acordo com a PF, foram feitas buscas nos Estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Sergipe e Minas. 

A investigação aponta que a venda das drogas era feita em um grupo de conversa no aplicativo, que reunia vendedores e compradores.

O número de integrantes do grupo variava, segundo a PF, mas chegou a ter 200 pessoas. Todos eram Jovens entre 20 e 30 anos, de classe média alta.

Segundo a PF, as ações eram "coordenadas" e o pagamento era feito por meio de transferência bancária.

Os investigados serão indiciados pela prática de crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas, com penas de 3 a 15 anos de prisão e multa. As entregas eram feitas via postal ou pessoalmente.

Após a deflagração da Dealer nesta terça-feira, a investigação vai mirar na identificação do patrimônio dos traficantes e também em quem financiava essa droga e na procedência da droga. De acordo com a PF, há indícios de que os criminosos pegavam a droga na Europa. Com informações da Agência Brasil.

 

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn