Facebook Twitter YouTube
A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 06/02/2019 às 15:41

SICOE de Marília já integra equipe de buscas em Brumadinho. Chuva prejudica operação

  • Integrante do SICOE no comando de operações de resgate em Brumadinho.

Equipe de voluntários seguiu para MG para ajudar nas buscas das pessoas desaparecidas após rompimento de barragem. São 182 pessoas ainda desaparecidas.

Após uma longa viagem, parte da equipe de voluntários do grupo Anjos da Guarda/SICOE de Marília, já está à disposição da Defesa Civil de Minas Gerais para ajudar nas buscas das pessoas que ainda permanecem desaparecidas após o rompimento da barragem de rejeitos da mineradora Vale em Brumadinho. 

De acordo com o setor de comunicação social do grupo, choveu muito nesta quarta-feira e isso atrapalhou muito o trabalho das equipes. "Só é possível chegar ao local de helicóptero e a chuva está prejudicando essa operação. Mesmo assim, estamos a disposição dos coordenadores da operação", informou o SICOE.

Grupo está à disposição da Defesa Civil de MG.

Os quatro bombeiros do 10º Grupamento de Marília estão seguindo nesta tarde para a capital paulista, onde vão se apresentar ao comando e fazer parte do comboio que segue para Minas Gerais.

O Estado de São Paulo vai enviar para Minas Gerais 44 Bombeiros, dois helicópteros, 12 viaturas, sendo Comando de Operações, viatura de telecomunicações, viatura abastecedora, mecânica volante, caminhão com material operacional, canil com dois cachorros e dois drones, além de viaturas 4x4.

VÍTIMAS - O número de mortos após o rompimento de uma barragem de rejeitos da mineradora Vale em Brumadinho, Minas Gerais, subiu para 150, conforme balanço divulgado hoje (6) pela Defesa Civil do estado. Desse total, 134 vítimas foram identificadas e 16 permanecem sem identificação até o momento.

Ainda de acordo com a atualização, 182 pessoas continuam desaparecidas, sendo 55 funcionários da Vale e 127 terceirizados e membros da comunidade. A tragédia deixou, ao todo, 103 desabrigados. Três pessoas permanecem hospitalizadas.

 

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn