Facebook Twitter YouTube
A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 29/11/2018 às 10:29

Vice-prefeito de Marília rompe com adminstração, deixa autarquias, mas não renuncia

  • Rompimento com a administração foi transmitido ao vivo pela TV Câmara.

O vice-prefeito de Marília, Antônio Augusto Ambrósio ("Tato") anunciou há pouco, em pronunciamento e depois entrevista coletiva, seu rompimento com a administração do prefeito Daniel Alonso. Ele disse também que vai deixar o DAEM e Codemar, cuja coordenação vinha realizando desde o início do mandato. Apesar disso, garante que não vai renunciar ao cargo.

O anúncio de afastamento do atual grupo político foi transmitido ao vivo durante mais de uma hora pela TV Câmara. Ao final, o locutor justificou que o pedido teria sido feito pelo vice ao presidente da Câmara, Wilson Damasceno, inclusive para ceder a sala Nassib Cury do Legislativo. A assessoria de imprensa da Câmara divulgou há pouco (10h59) nota oficial sobre este assunto - ver no final da matéria.

A coletiva foi convocada para às 9h e, em seu pronunciamento, Tato falou sobre a recuperação econômica das duas autarquias e disse que estava "tomando uma atitude difícil" ao anunciar o rompimento.

Ao ser questionado sobre o motivo dessa saída somente agora, uma vez que desde o começo da administração admitiu que tinha muitas divergências, afirmou: "eu sempre esperei um dia de sol melhor" e mais adiante comparou: "a gente toma toma sempre experimentando para não queimar a boca".

Antônio Augusto Ambrósio garantiu que vai continuar tendo acesso às repartições públicas e estará "a disposição" daqueles que tiverem reclamações "com provas" para que possa fazer denúncias.

Negou também que estaria fazendo parte de uma eventual articulação política para as próximas eleições municipais ou mesmo pedir o impeachment do prefeito Daniel.

NOTAS OFICIAIS

A assessoria de imprensa da Prefeitura divulgou, às 11h10, uma nota oficial sobre o posicionamento do vice-prefeito. Veja:

"A Prefeitura de Marília repudia as declarações do vice-prefeito e afirma que elas são inócuas nesse momento tão precioso que precisamos trabalhar incansavelmente pela cidade de Marília. 

Nesses dois anos de gestão, em nenhum momento o vice-prefeito esteve à frente e tomando as decisões das autarquias Daem e Codemar. Todo o tempo, elas foram geridas pelo prefeito Daniel Alonso e os seus respectivos diretores-presidentes. 

Sobre o rompimento com a administração, o tempo todo isso foi evitado com diálogos e reuniões com o mesmo, porém, sem sucesso, devido à rigidez e intolerância do vice-prefeito para com ações da gestão. 

A Prefeitura, através do prefeito Daniel Alonso, continua trabalhando arduamente pela cidade até o último dia do governo, sempre pensando no bem e na proteção da população, pautando suas ações pela ética e o bom uso do dinheiro público, sempre dentro das leis vigentes". 

Sobre a transmissão ao vivo, a assessoria de imprensa do Legislativo divulgou uma nota oficial justificando essa decisão:

"A TV Câmara de Marília informa que realizou a transmissão do pronunciamento e entrevista coletiva do vice-prefeito de Marília, Tato Ambrósio (MDB), devido à relevância do assunto, sendo um pronunciamento oficial de uma autoridade pública nas dependências do Poder Legislativo de Marília. A TV Câmara de Marília ressalta que a função de uma emissora pública de televisão é promover a transparência de todos os atos públicos que acontecem na localidade".

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn