Facebook Twitter YouTube
A agilidade do jornalismo online.
Visão Notícias - Informações de Marília e região
Visão Notícias - Informações de Marília e região

Informações de Marília e região

- Marília/SP

Postado em 03/09/2018 às 18:38

Marília tem nota acima da média nacional no IDEB e a maior já registrada

  • Ensino municipal registrou em 2017 o maior índice do IDEB.

O ensino municipal de Marília obteve nota 7,2 no IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) em 2017, considerada a maior nota desde o início da divulgação dos resultados. Aliás, ficou bem acima das metas projetadas (era de 6,8 para o ano avaliado), da média nacional (5,8) e logicamente da meta estabelecida para este ano no país que era de 5,5.

De acordo com o levantamento, o primeiro ano em que foi feito o índice (em 2005), Marília tinha atingido 5,4. Posteriormente só foi conseguindo avaliações melhores a cada dois anos. Em 2015, por exemplo, foi de 6,9 e agora chegou a 7,2. Para se ter uma ideia, a média no Estado de São Paulo foi de 6,5. 

Veja qual foi a avaliação do seu município. Clique AQUI

No ensino médio, etapa mais crítica, o índice avançou 0,1 ponto, após ficar estagnado por três divulgações seguidas, chegando a 3,8. A meta para 2017 era 4,7. Nos anos finais do ensino fundamental, do 6º ao 9º ano, a meta foi descumprida pela primeira vez em 2013 e não atingiu mais o esperado. Em 2017, com Ideb 4,7, o país não alcançou os 5 pontos esperados.

Apesar do crescimento observado, o país está distante da meta projetada”, avalia o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), responsável pelo Ideb.

ENSINO FUNDAMENTAL - Na análise do Inep, os números mostram avanços importantes, sobretudo nos anos iniciais do ensino fundamental, mas também, algumas preocupações que precisarão ser discutidas no âmbito das escolas.

A autarquia ressalta que será necessário “indispensável apoio e colaboração dos níveis mais elevados de gestão nos municípios, nos estados e no Ministério da Educação, para que o desempenho dos estudantes brasileiros possa seguir uma trajetória de melhoria”. Com informações da Agência Brasil.

© Copyright 2017. É proibida a reprodução do conteúdo dessa página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso sem autorização escrita do visaonoticias.com
Desenvolvido por StrikeOn