Visão Notícias
Postado em 19/04/2018 às 16:29
Denunciada venda paralela de figurinhas avulsas em Marília. Procon apura

Figurinhas consideradas difíceis vendidas a R$ 1,00 e as "brilhantes", por R$ 5,00 (avulsas). Este é o mercado paralelo de figurinhas da Copa do Mundo que estaria ocorrendo em pontos de venda em Marília. A denúncia foi recebida pelo portal Visão Notícias e, de acordo com o Procon, trata-se de uma prática abusiva que será apurada pelo órgão.

Com a aproximação da Copa do Mundo da Rússia, a coleção de figurinhas do álbum oficial se tormou uma "febre" também em Marília e região. Crianças e até adultos procuram bancas de revistas e outros pontos de venda para comprar os pacotinhos que vem lacrados.

Tanto que na cidade está funcionando um ponto oficial para a troca das figurinhas, com uma super estrutura e muitas atrações aos torcedores, numa brincadeira saudável.

O evento ocorre todos os dias no Espaço Cultural "Ezequiel Bambini", na Avenida Sampaio Vidal, (horário: Segunda à sexta à partir das 17h30; sábado e domingo das 09h às 13h). Todos os detalhes, clique AQU

VENDA AVULSA 

Mas, pela denúncia recebida pelo Visão Notícias, existem comerciantes que estariam conseguindo ter acesso aos pacotinhos com essas figurinhas mais difíceis que não são colocados à venda.

"Eles conseguem ver qual é a primeira e a última figurinha do pacotinho. Se forem difíceis, abrem e vendem separadamente", disse um internauta que pediu para não ter o nome divulgado, mas garantiu ter presenciado essa venda num tradicional ponto de venda na cidade. E acaba atraindo principalmente aqueles colecionadores que não conseguem completar o álbum justamente devido a essa escassez.

O coordenador do Procon em Marília, Guilherme Moraes, ao ser consultado, informou que pelo Código de defesa do Consumidor (artigo 39 inciso X) essa venda se torna uma prática abusiva. Ele informou que vai apurar o caso. 

 

 

 

DAMÁSIO
Desenvolvido por StrikeOn.
© 2015 - Visão Notícias. Todos os Direitos Reservados.